Anais do VI CBA – Resumo 2

  • Título: Benefícios da acupuntura sistêmica e da auriculoterapia no tratamento de cisto ovariano
  • Autores: Fabiane Gonçalves da Rosa Marcon, Lirane Carneiro Suliano
  • DOI:10.7436/2016.6cba-13cpa.02
  • Resumo: Contextualização: Segundo a Medicina Tradicional Chinesa (MTC), massas abdominais, como os cistos ovarianos, são decorrentes de estase de sangue e Qi. Objetivo: Atentar para os benefícios da auriculoterapia e acupuntura sistêmica no tratamento de cisto ovariano. Metodologia: Relato do caso de paciente de 41 anos, portadora de cisto ovariano direito com sintomas de ansiedade, dificuldade para dormir e fadiga constante. A mesma foi submetida a uma sessão semanal de acupuntura e auriculoterapia a partir de agosto de 2015. Utilizaram-se vários acupontos na auriculoterapia, como Shem men, rim, sistema nervoso vegetativo, útero, ovário, glândulas endócrinas e ansiedade, com agulhas e sementes. Na acupuntura sistêmica utilizou-se acupontos F2, F3, BP2, BP6, R3, CS6, E36, B23, B28, B37 com agulhas sistêmicas descartáveis. Resultados: Por meio da ultrassonografia observou-se a evolução do cisto presente no ovário esquerdo, antes das sessões de acupuntura, pelas seguintes dimensões: fevereiro 2015: 40x32x28, volume: 19,5ml; junho 2015: 53x35x52mm, volume: 52ml. Após o início do tratamento em agosto de 2015, observa-se na imagem de outubro 2015: 49x33x31mm, volume 52ml. Fevereiro 2016: 45x31x38mm, volume 27,9ml. Junho 2016: não há presença de cisto no ovário. A paciente refere melhora na insônia, redução da ansiedade, diminuição da fadiga e o cisto ovariano foi eliminado conforme laudo do ultrassom. Conclusão: O tratamento com acupuntura e auriculoterapia para cisto ovariano foi eficiente neste relato de caso.
  • Palavras-chave: cisto ovariano, acupuntura, auriculoterapia, benefícios.